IDEAS home Printed from https://ideas.repec.org/a/pjm/journl/vvy2000i1p23-42.html
   My bibliography  Save this article

Uma Revisão Das Teorias Sobre A Estrutura De Capitais Das Empresas

Author

Listed:
  • Susana Margarida Faustino Jorge

    (Faculdade de Economia, Universidade de Economia)

  • Manuel José Rocha Armada

    (Escola de Economia e Gestão, Universidade do Minho)

Abstract

Passados quarenta anos sobre a publicação do polémico artigo, em que Modigliani e Miller (1958) demonstraram não existir uma estrutura óptima para os capitais das empresas, defendendo assim que o valor de mercado e custo capital destas eram independentes da sua estrutura de financiamento, a controvérsia em torno destas considerações subsiste. Depois destes autores, muitos outros estudaram o assunto, desenvolvendo um conjunto diverso de teorias sobre a estrutura de capitais, nas quais integraram vários conceitos (de que são exemplo os custos de agência e a informação assimétrica) na explicação do comportamento das empresas no que respeita à escolha da sua estrutura de financiamento. Não obstante estarem ou não de acordo coma existência de uma estrutura óptima de financiamento das empresas, actualmente existem três grandes correntes que procuram explicar a escolha da estrutura de capitais: o compromisso entre protecção fiscal – custos de falência («Static Trade–Off Theory»); a hierarquia de preferências nas fontes de financiamento («Pecking Order Theory») e a «Teoria Organizacional». De uma forma geral, estas teorias aceitam que a estrutura de capitais das empresas é relevante quer para o seu valor de mercado, quer para o seu custo de capital. Para além disto são unânimes em admitir que existe um conjunto de factores susceptíveis de influenciar a escolha da estrutura de financiamento. Assim, pretendemos com este artigo, fundamentalmente fazer uma apresentação critica, discutindo a evolução das teorias sobre a estrutura de capitais, desde Modigliani e Miller (1958) até aos nossos dias.

Suggested Citation

  • Susana Margarida Faustino Jorge & Manuel José Rocha Armada, 2000. "Uma Revisão Das Teorias Sobre A Estrutura De Capitais Das Empresas," Portuguese Journal of Management Studies, ISEG, Universidade de Lisboa, vol. 0(1), pages 23-42.
  • Handle: RePEc:pjm:journl:v:v:y:2000:i:1:p:23-42
    as

    Download full text from publisher

    File URL: http://pascal.iseg.utl.pt/~pjms/files/2000-Uma_revisao_das_teorias_sobre_a_estrutura_de_capitais_das_empresas.pdf
    Download Restriction: no

    More about this item

    Keywords

    Estrutura de capitais; teorias; evolução.;

    Statistics

    Access and download statistics

    Corrections

    All material on this site has been provided by the respective publishers and authors. You can help correct errors and omissions. When requesting a correction, please mention this item's handle: RePEc:pjm:journl:v:v:y:2000:i:1:p:23-42. See general information about how to correct material in RePEc.

    For technical questions regarding this item, or to correct its authors, title, abstract, bibliographic or download information, contact: (Luís Mota de Castro, Tiago Cardão-Pito, Mark Crathorne). General contact details of provider: http://edirc.repec.org/data/isutlpt.html .

    If you have authored this item and are not yet registered with RePEc, we encourage you to do it here. This allows to link your profile to this item. It also allows you to accept potential citations to this item that we are uncertain about.

    We have no references for this item. You can help adding them by using this form .

    If you know of missing items citing this one, you can help us creating those links by adding the relevant references in the same way as above, for each refering item. If you are a registered author of this item, you may also want to check the "citations" tab in your RePEc Author Service profile, as there may be some citations waiting for confirmation.

    Please note that corrections may take a couple of weeks to filter through the various RePEc services.

    IDEAS is a RePEc service hosted by the Research Division of the Federal Reserve Bank of St. Louis . RePEc uses bibliographic data supplied by the respective publishers.